salmoamargo, #01

Conheço pessoas que não valem
o prato que comem,
que aparentam boas ações,
mas semeiam a discórdia.

Pessoas que conseguem aquilo
que seus corações desejam;
são queridas por todos,
chamam-nas carismáticas.

Entretanto, ai dos que convivem
sob o mesmo teto que elas.
Sofrem com sua má-vontade,
ferem-se com seu desamor.

Ao ver isso, clamo ao SENHOR,
que tudo vê em secreto;
questiono com raiva
a sinceridade de seus corações.

E então, sou lembrado por Deus
que de corações Ele entende bem,
que de fato Ele tudo vê em secreto,
mas que às claras fará juízo.

E também sou lembrado
que Ele vê o meu coração
e que muito precisa mudar
para que ele seja, de fato, puro.

Salmoamargo #01, Eduardo Mano

Advertisements

2 thoughts on “salmoamargo, #01

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s