keithgreen

Hoje, dia 28 de julho, lembramos os 33 anos do falecimento de Keith Green e seus filhos Josiah e Bethany em um acidente aéreo. Não preciso fazer nenhuma introdução ao homem e àquilo que ele fez através do poder de Deus. Também não preciso dizer que nem tudo em sua caminhada cristã foi perfeito – como provavelmente a de ninguém será. Mas em tempos de celebridades musicais e de um constante e crescente foco no cantor ou artista, gostaria de contar a história da música de Green que é mais conhecida entre os brasileiros, fruto de uma versão escrita por Marcos Góes e gravada no disco A Vigília 2, de 1994 – Oh Lord, You’re beautiful (Senhor, Formoso És).

Este texto abaixo é uma tradução da fala de Keith Green antes de executar a música, em uma das gravações ao vivo que fez. Esta gravação específica está registrada no disco “Oh Lord, You’re Beautiful – Songs of Worship”, lançado em 1998 pela Sparrow Records, gravadora que lançou os primeiros discos de Green antes de ele solicitar seu desligamento.

Segue o trecho:

“‘Na segunda-feira à noite desta semana, perto de meia-noite, eu escrevi uma carta para o Senhor. Eu não sabia onde era o correio, então eu a coloquei dentro da minha Bíblia. E eu pedi a Ele: “Bem, Você precisa fazer alguma coisa a respeito do meu coração. Você sabe, já se passou um bom tempo desde que eu Te conheci, e ele começou a endurecer, Você sabe, é algo meio que natural… Eu quero ter pele de bebê, senhor. Eu quero ter pele de bebê em meu coração. Ele começou a ficar velho, enrugado e cheio de calos. E não é por algo que eu esteja fazendo. E por causa de um monte de coisas que eu não estou fazendo’. E depois eu fiquei até duas da manhã acordado compondo esta canção.”

A seguir, segue a letra completa de Oh Lord, You’re beautiful. Ela contém duas estrofes a mais do que a versão gravada no disco So You Wanna go Back to Egypt, de 1980. Além disso, o refrão,(que nunca foi traduzido para o Português) traz algumas diferenças da versão final.

Oh Lord, You’re beautiful
Your face is all I seek
For when Your eyes are on this child
Your love abounds to me

Oh Lord, my body’s tired
But You keep reminding me
Of many holy tireless men
Who spilt their blood for thee

I wanna take your word and shine it all round
But just help me first to live it, Lord
And if I’m doing well, help me to never make a sound
Except to give all the Glory to You

Oh Lord, my faith is small
And I need a touch from You
Your book of books lies undisturbed
And the prayers from me, too few

Oh Lord, please light the Fire
That once burned bright and clear
Replace the lamp of my First Love
That’s filled with Holy fear

Tradução

Ó Senhor, Tu és lindo
Tua face é tudo o que eu busco
Pois quando Teus olhos estão sobre este filho
Teu amor é abundante para mim

Ó Senhor, meu corpo está cansado
Mas Tu continuas e me lembrar
De tantos santos e incansáveis homens
Que derramaram seu sangue por Ti

Quero levar Tua palavra e fazê-la brilhar por todo lugar
Mas primeiro, apenas me ajude a vivê-la
E quando eu estiver indo bem, ajuda-me a nunca emitir um som
A não ser que seja para dar toda Glória a Ti

Ó Senhor, minha fé é pequena
E eu preciso de um toque vindo de Ti
Teu Livro dos livros está lá, intocado
E minhas orações são muito poucas

Ó Senhor, por favor acenda a chama
Que uma vez brilhou forte e clara
Troca a lamparina do meu primeiro amor
Que queima com Santo temor

A menção à carta que ele escreveu a Deus nos permite uma pequena amostra da vida de devoção que Green levava (e isso é confirmado por sua esposa, Melody, e alguns de seus amigos em livros, entrevistas e documentários). Alguém que deseja que seu coração seja feito como novo, sem os calos que a vida trás, deseja muito mais que intimidade com Deus: deseja amor renovado pelo próximo. Ou seja: viver o primeiro e segundo maiores mandamentos.

Minha intenção é mais uma vez trazer à lembrança que um dia nós tivemos homens que viveram de forma irrestrita a vontade de Deus. Que entenderam que a mensagem da Cruz é tão cara que ninguém pode pagar por ela. E homens que estavam em paz em viver com aquilo que Deus provia, e não muito acima daquilo que é necessário para cada dia. Homens que não queriam ser venerados, mas que queriam fazer a Glória de Cristo resplandecer. Ainda há homens assim. Deus reserva para Si o remanescente fiel. A Ele toda Honra!

Abraço,

Mano

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s